BLOG DO MÁRIO ADOLFO
Você gostaria de receber notificações em tempo real e não perder nenhuma notícia importante?
Cancelar
Aceitar

Bookmarks

You haven't yet saved any bookmarks. To bookmark a post, just click .

Comissão da Câmara derrota PEC do voto impresso


Por 23 votos contra e apenas 11 favoráveis, a comissão especial da Câmara dos Deputados rejeitou parecer da PEC do voto impresso na noite desta quinta-feira, 5. A medida, relatada por Filipe Barros (PSL-PR), era uma pauta do presidente Jair Bolsonaro (sem partido), que tem colocado o sistema eleitoral e a urna sob suspeição.

Uma maioria folgada de parlamentares que integram a comissão, porém, rejeitou a PEC 135/19, de autoria da deputada bolsonarista Bia Kicis (PSL-DF).

Por indicação do presidente da comissão especial, deputado Paulo Eduardo Martins (PSC-PR), o parecer vencedor será elaborado pelo deputado Júnior Mano (PL-CE) e deverá ser apreciado em nova reunião do colegiado nesta sexta-feira (6), às 18 horas.

O presidente da Câmara, Arthur Lira (PP-AL), afirmou hoje mais cedo que a PEC do voto impresso poderá ser avocada pelo Plenário, mesmo depois da derrota no colegiado. “Comissões especiais não são terminativas, são opinativas, então sugerem o texto, mas qualquer recurso ao Plenário pode ser feito”, explicou. (com Agência Câmara)

Redação

Redação

As principais notícias do Amazonas, do Brasil e do mundo. Mais de 40 anos de jornalismo com credibilidade.

Manaus