BLOG DO MÁRIO ADOLFO
Você gostaria de receber notificações em tempo real e não perder nenhuma notícia importante?
Cancelar
Aceitar

Bookmarks

You haven't yet saved any bookmarks. To bookmark a post, just click .

CMM aprova reajuste de 45% do 'cotão', que valerá mais de R$ 33 mil por mês em 2022



A Câmara Municipal de Manaus (CMM) aprovou, na última sessão do ano, um reajuste de 45% na Cota para o Exercício de Atividade Parlamentar (CEAP), o Cotão, que em 2022 valerá cerca de R$ 33 mil. O projeto de lei votado em regime de urgência foi criticado por vereadores de oposição. A informação é do Toda Hora.

O aumento de quase R$ 15 mil para custear gastos vinculados à atividade, como aluguel de veículos e compra de combustível, foi definido em projeto de lei pela mesa diretora da casa, que na proposta instituiu a cota ao equivalente a 75% do valor creditado atualmente aos deputados estudais do Amazonas. Esses têm direito a R$ 44.114,74 por mês via cotão.

Deliberado, o projeto que iria à 2ª Comissão de Constituição, Justiça e Redação foi votado em regime de urgência a pedido do líder do prefeito na casa, Marcelo Serafim (PSB). Em seguida, o PL foi promulgado com os votos contrários dos vereadores Rodrigo Guedes (PSC), Raiff Matos (DC) e Capitão Carpê (Republicanos).

Guedes disse que tomou conhecimento do projeto nesta quarta-feira, 15/12, ao ler a pauta do dia. “Acho que, neste momento, a leitura que a população faz, por mais que haja qualquer argumentação legal, é uma leitura muito ruim, em que a gente ainda sofre efeitos econômicos da crise”, avaliou em plenário.

Em conta no instagram, o vereador Amom Mandel (União Brasil) também se manifestou contrário. “Na minha opinião, não era necessário. Eu, por ideal e convicção, não uso essa verba e permanecerei assim. Acho um absurdo”, opinou.

Redação

Redação

As principais notícias do Amazonas, do Brasil e do mundo. Mais de 40 anos de jornalismo com credibilidade.

Manaus