Bookmarks

You haven't yet saved any bookmarks. To bookmark a post, just click .

Com o segundo turno se aproximando – acontece no domingo, dia 27 -, o sociólogo e analista político Carlos Santiago faz um alerta: o clima de “já ganhou” é extremamente perigoso e desmotiva a população a debater o futuro do Estado.

De acordo com Santiago, este tipo de clima também pode fazer com que o eleitor não saia de casa para votar no domingo, contribuindo para que a abstenção seja ainda maior. No primeiro turno, o número de votos inválidos superou a casa dos 800 mil.

“Alimentar isso não é legal porque deseduca. Quando vemos um clima como este é ruim, as pessoas perdem o interesse em ouvir as propostas. É preciso ficar atento a isso e não deixar se levar pelo ‘já ganhou'”, avalia Santiago.

Nesta segunda-feira, no grupo de Whatsapp ‘Debates políticos’, alguns membros chegaram a acusar apoiadores de Amazonino Mendes a espalharem clima de já ganhou. O mesmo aconteceu no grupo de Facebook ‘Portal do Amazonas’, que tem mais de 90 mil membros.

“O candidato postou um vídeo em que agradece, de antemão, a sua eleição. “Essa vitória deve muito a você. O Amazonas agradece”, comemora antecipando, perigosamente, em sete dias o resultado da eleição”, disse um apoiador de Braga. “Pra ele virar esse jogo só se prometer ar condicionado central na cidade”, retrucou um apoiador de Amazonino.

Para Santiago, nesta semana decisiva o eleitor deve ficar atento às propostas e criar consciência de que é importante votar. “Cada candidato tem sua proposta. Vale avaliar o que cada um propõe”, encerra Santiago.

Mário Adolfo Filho

Mário Adolfo Filho

Jornalista, formado pela Universidade Federal do Amazonas. Com passagem por grandes jornais de Manaus, Prefeitura de Manaus, Câmara Municipal de Manaus e Câmara dos Deputados.