BLOG DO MÁRIO ADOLFO
Você gostaria de receber notificações em tempo real e não perder nenhuma notícia importante?
Cancelar
Aceitar

Bookmarks

You haven't yet saved any bookmarks. To bookmark a post, just click .

'Aula em Casa' do Amazonas vira modelo nacional de educação à distância


O modelo de aulas em casa adotado pelo Governo do Amazonas se tornou referência para secretarias de Educação de todo o País e até mesmo para o Governo Federal. Enquanto ministros de Jair Bolsonaro ainda preparam regulamentação do sistema e o governador de São Paulo João Dória organizam transmissão de conteúdos para 3,5 milhões de alunos, no Amazonas o sistema já está em operação desde o dia 20 de março.

Inovação

Logo que começou a quarentena no Amazonas, o governo do estado lançou o 'Aula em Casa'. As aulas são transmitidas pela TV aberta Encontro com as Águas. Além de Manaus, a transmissão é feita para outros quatro municípios: Iranduba, Manaquiri, Careiro da Várzea e Rio Preto da Eva.

Experiência

Nenhum estado no Brasil tem uma estrutura como a do Centro de Mídias do Estado do Amazonas. Isso porque, com as distância grande entre os municípios, as teleaulas do Amazonas  ganharam status de referência.

Rotina

Por qui, os professores estão mantendo a rotina de contato com as turmas, pais e responsáveis, via aplicativos de mensagens instantâneas ou outros dispositivos de comunicação à distância, para orientá-los sobre as estratégias de continuidade do currículo escolar definidas pela pasta.

Supermercados não respeitam  momento de fragilidade da população

Tem espertalhão que não se sensibiliza nem em momentos de tensão e  comoção nacional, como estamos vivendo agora com a pandemia o coronavírus e aproveita a oportunidade para aumentar seus lucros. É o caso dos supermercados de Manaus que desde a semana passada, quando o avanço do coronavírus no país determinou o isolamento social dos brasileiros, aproveitaram para remarcar preços de alguns produtos básicos. O olho grande foi provocado pela corrida de pessoas aos supermercados com o objetivo de estocar alimentos essenciais em casa. Só para citar alguns exemplo, uma cartela com  30 ovos que antes da pandemia custava entre R$ 10 a R$ 12 restava sendo vendido a R$ 18 na quarta-feira, 1º de abril. A manteiga “Cabeça de Touro”, que chegou a R$ 19 saltou nesta sexta-feira para R$ 28.

Cadê o queijo?

O setor de queijos e laticínios também disparou. Um tirinha de queijo Regina, na sexta-feira, estava custando R$ 23. E uma palma de banana prata, geralmente adquirida por R$ 5 já estava custando R$ 8.

Reajuste de 50%

Sem contar itens como batata, feijão, leite, cebola, alho e arroz. Quem tiver o trabalho de fazer uma comparação, vão perceber que esses aumentos em alguns casos chegam a 50%.

Outros sumiram

Não é só. Além dos reajustes de preço de produtos básicos, a alta da demanda provocou demora no atendimento online e presencial, e a falta de alguns produtos.

Denuncie...

Associação Brasileira de Supermercados (ABRAS) e a Secretaria Nacional do Consumidor (Senacon), do Ministério da Justiça, já avisaram que não compactuam com a elevação injustificada de preços, principalmente, em período de fragilidade da população.

...práticas abusivas!

Qualquer reclamação relacionada a  práticas abusivas de aumento de preços, a entidade nacional disponibiliza o e-mail contato@abras.com.br .”

O ministro da saúde, Luiz Henrique Mandetta, já advertiu que  Manaus entrou no radar do Ministério como local que pode atingir um alto índice de casos confirmados de coronavírus no Brasil.

Preços disparara nos supermercados

Mandetta alerta Manaus

O ministro da saúde, Luiz Henrique Mandetta, já advertiu que  Manaus entrou no radar do Ministério como local que pode atingir um alto índice de casos confirmados de coronavírus no Brasil.

Risco de colapso

Mas parece que muitos manauaras ainda não se tocaram que a coisa é séria e que  o sistema de saúde montado para combater o avanço da Covid-19 pode entrar em colapso.

Estão na rua

E mesmo após o decreto publicado no Diário Oficial restringir a abertura de comércios de serviços não essenciais em algumas cidades, é possível ver nas ruas da cidade, o descumprimento da medida por parte da população. Em nível nacional, Manaus é uma das cidades onde continua sendo registrado um grande fluxo de pessoas nas ruas – inclusive idosos.

Luz amarela

Mandetta foi claro ao fazer o alerta da luz amarela para a capital do Amazonas.

— Manaus entra em nosso radar como um ponto que pode ter ascendências rápidas de curva –, disse o ministro.

Sete mortos

De acordo com o ministro, ente  os 260 casos confirmados no Amazonas, 232 são em Manaus. Isto significa um total de 89% dos casos. Sete pessoas já morreram no Estado com coronavírus.

Respiradores

Para adquirir respiradores artificiais, hoje o maior problema no combate ao avanço do novo coronavírus, o governador Wilson Lima assinou, nesta sexta-feira (03/04), Termo de Cooperação Técnica entre a Universidade do Estado do Amazonas (UEA) e a Moto Honda da Amazônia.

Honda na luta

O termo prevê o desenvolvimento de um protótipo de respirador artificial que beneficiará o interior do estado. Com isso, a Moto Honda demonstra que a iniciativa privada também pode fazer a sua parte e não ficar esperando apenas pelo p0der público.

— Esse não é um problema só do Estado, é um problema de todo mundo, de toda a sociedade. Eu tenho certeza que, com essa união de esforços, a gente vai superar essa questão do coronavírus –, disse o governador.

Mirem-se no exemplo

Parceria entre a fábrica Virrosas e a Universidade Federal do Amazonas (Ufam), vai produzir e doar 9 mil litros de álcool líquido e em gel a 70%, para órgãos públicos, em Manaus. A distribuição começa  na próxima semana.

Parceria no álcool

Serão 3 mil garrafas, com capacidade de 500 ml (0,5 L); 5 litros; 12,5 litros; 25 litros e 50 litros. Além de ser responsável pela fabricação das garrafas, a Virrosas vai contribuir com a doação de insumos – hipoclorito e glicerina – com objetivo de auxiliar na  limpeza de hospitais

Gel foi produzido na Ufam

Estratégia deu certo

A vacinação de idosos contra a influenza, através do sistema de drive-thru, adotada pela Prefeitura de Manaus, foi encerrada nesta sexta-feira, 3/4.

3,9 mil vacinados

Iniciada no último dia 27, foram vacinadas 3,9 mil pessoas nos shoppings a estratégia ação aconteceu nos shoppings Amazonas, Manauara, Via Norte, Ponta Negra, Phelippe Daou, Sumaúma e Grande Circular. O senador Plínio Valério (PDSB-AM) apresentou emenda ao Projeto de lei (PL) 873/2020, que institui a Renda Básica de Cidadania emergencial. O senador propõe que sejam suspensas por três meses as parcelas de crédito consignado feito pelos que têm mais de 60 anos. Isso nos casos em que tal parcela supere 20% do rendimento do devedor.

Renda cidadã

Na verdade o  PL 873/2020 é de autoria  do senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP). Além de criar a Renda Básica de Cidadania emergencial, o projeto amplia benefícios aos inscritos no Programa Bolsa Família e aos cadastrados no CadÚnico, em casos de epidemias e pandemias.

Empréstimo desumano

A suspensão do pagamento dos consignados pode ajudar os idosos a superar a crise provocada pela pandemia de Covid-19. Valério observou que muitos idosos são obrigados a fazer empréstimos e depois têm de arcar com parcelas exorbitantes, que representam quase a metade de seus rendimentos.

Até tu, Safadão?

O cantor Wesley Safadão se filiou ao PSD nesta sexta (3) e é uma aposta do partido na disputa à Câmara Municipal de Fortaleza.

Mãe no meio

Além de Safadão, a mãe dele e ex-vice-prefeita de Aracoiaba, Dona Bill, e o irmão Edinho também se filiaram à legenda. Domingos Filho, presidente da sigla, diz que Safadão já transferiu o título à Capital e deve ser candidato a vereador.

Safadão é aposta do PSD para ser vereador

Bronca on line

A Secretaria Municipal de Defesa do Consumidor e Ouvidoria (Procon Manaus) está implantando um sistema de reclamações on-line. O objetivo é dar andamento às solicitações de consumidores durante o período de pandemia do novo coronavírus.

Fora Carlucho!

O deputado Rui Falcão (PT-SP) entrou nesta sexta-feira, 3, com uma ação junto à Justiça Federal de Brasília para que o vereador do Rio da Janeiro Carlos Bolsonaro (Republicanos), filho do presidente Jair Bolsonaro, seja afastado de suas atividades no Palácio Planalto.

“Gabinete do ódio”

Mesmo sem ter cargo no governo, Carlos foi alocado em uma sala no terceiro andar do Palácio do Planalto, na antessala do pai, junto com o chamado “gabinete do ódio”.Gabinete do ódio” é  grupo de assessores palacianos de perfil ideológico que cuidam das redes sociais do governo e incentivam o presidente a agir de forma beligerante.

Usurpação de poder

Falcão disse que a presença de Carlucho  no Planalto, além de todo o mal que causa dentro e fora do governo, “constitui usurpação de função pública e desvio de finalidade”, disse o deputado petista.

ORGULHO

O prefeito de Francisco Beltrão (região Sudoeste), Cleber Fontana, decidiu pela redução dos salários dele mesmo, do vice-prefeito e dos cargos comissionados da prefeitura. No caso do seu salário e do vice, a redução é de 50%. “Além da economia para fazermos frente às dificuldades que virão, tomamos esta decisão como um ato de solidariedade a todos que estão com seus ganhos diminuídos, seja pela redução das vendas ou pelo desemprego”, disse o prefeito.

VERGONHA

O banco  Santander saiu na frente das demais instituições financeiras e anunciou que irá adotar um dos pontos da Medida Provisória 927 e cobrar o banco de horas de deus funcionários, que estão na quarentena.  O banco de horas devido pelo trabalhador poderá ser compensado em até 18 meses após o término da crise. É um absurdo que o Santander faça uso dessa MP.  Algumas medidas para sobreviver à crise deveriam ser adotadas apenas por pequenas e médias empresas, mas nunca por bancos que lucram bilhões todos os anos. O Santander teve lucro de R$ 14,5 bilhões em 2019, um crescimento de 17,4% sobre o resultado de 2018. É muito mesquinho que uma empresa do porte do Santander se utilize da MP 927 para cobrar horas de trabalho dos bancários que, neste momento de grande sofrimento e medo, precisam ficar em casa para proteger suas vidas, de suas famílias e de toda a sociedade, uma vez que o isolamento social é único modo de conter o rápido crescimento do contágio pelo coronavírus.

Mário Adolfo Filho

Mário Adolfo Filho

Jornalista, formado pela Universidade Federal do Amazonas. Com passagem por grandes jornais de Manaus, Prefeitura de Manaus, Câmara Municipal de Manaus e Câmara dos Deputados.