BLOG DO MÁRIO ADOLFO
Você gostaria de receber notificações em tempo real e não perder nenhuma notícia importante?
Cancelar
Aceitar

Bookmarks

You haven't yet saved any bookmarks. To bookmark a post, just click .

Ataque criminoso deixa um morto e outro ferido no Coroado


Um homem identificado como Rafael da Silva Costa, 25, foi baleado e William James Liborio de Souza, 30, morreu no Hospital e Pronto-Socorro João Lúcio após ser alvejado na noite desta quarta-feira (28). O caso aconteceu por volta das 20h em uma quadra próxima à estação de ônibus da linha 515, no bairro Coroado, zona Leste de Manaus.

Segundo informações repassadas pela equipe policial que fica na Unidade Hospitalar, a vítima William e Rafael estavam jogando bola em uma quadra, quando suspeitos chegaram no local em um automóvel de modelo Toro cor Branca alvejaram os dois a tiros.

Os dois foram socorridos por populares e levados até o Hospital e Pronto-Socorro João Lúcio, mas William que levou dois tiros não resistiu aos ferimentos e morreu no local.  O corpo foi removido da unidade hospitalar pelo Instituto Médico Legal (IML). Já Rafael levou 1 tiro no tórax e está em observação no politrauma da unidade hospitalar.

Conforme relatos, o veículo foi o mesmo avistado momentos antes no Beco Gomes, local em que supostamente os mesmos criminosos alvejaram o autônomo Mikael de Souza Miranda, 26. A Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS) investiga o caso.

Homicídio no mesmo bairro

O autônomo Mikael de Souza Miranda, 26, foi morto a tiros na noite desta quarta-feira (28). O caso aconteceu por volta das 19h no Beco Gomes, com acesso pela Rua Boa Vida, no bairro Coroado, zona Leste de Manaus.

Segundo informações de testemunhas, o homem estava no beco quando suspeitos chegaram em um carro modelo Toro e atiraram 4 vezes contra a vítima. Um dos tiros atingiu o homem no lado direito do pescoço. Ele chegou a correr até a Rua Presidente Médice quando caiu na via.

Fonte: Portal D24AM

Redação BMA

Redação BMA

As principais notícias do Amazonas, do Brasil e do mundo. Mais de 40 anos de jornalismo com credibilidade.