BLOG DO MÁRIO ADOLFO
Você gostaria de receber notificações em tempo real e não perder nenhuma notícia importante?
Cancelar
Aceitar

Bookmarks

You haven't yet saved any bookmarks. To bookmark a post, just click .

Artistas amazonenses organizam 4ª edição da Semana do Quadrinho Nacional - Manaus


Realizado desde 2019, o evento foi idealizado como uma comemoração ao Dia do Quadrinho Nacional celebrado no dia 30 de janeiro. Com início dia 29 de janeiro e atividades até 6 de fevereiro, o evento terá algumas atividades com acesso restrito conforme as normas sanitárias.

A Semana do Quadrinho Nacional teve, desde seu início, a intenção de divulgar artistas locais, ajudar no seu aprimoramento técnico e permitir o acesso dos leitores amazonenses ao trabalho de artistas nacionais consagrados. Em 2022, mantendo esses princípios e contando com apoio financeiro da Secretaria Estadual de Cultura e Economia Criativa por meio do edital Amazonas Criativo, o evento organizará duas exposições, sendo uma de artistas locais e outra de artistas nacionais, área de venda de quadrinhos produzidos no Amazonas e em outros estados da região norte, oficinas, cursos e debates de artistas, além de mesas de autógrafos e encontros dos artistas com o público.

Foto divulgação

As atrações ocorrerão em quatro locais:

  • Auditório da Biblioteca Municipal João Bosco Pantoja Evangelista. Com apoio da Prefeitura Municipal de Manaus através da Fundação Municipal de Cultura, Turismo e Evento – ManausCult o evento realizará oficinas e cursos.
  • Casa das Artes. Receberá a Exposição Sarana (nome da deusa da noite dos indígenas da etnia Manaus). Serão expostos trabalhos dos artistas convidados: Paulo Moreira, Wagner Willian, Shiko e Gidalti Jr.
  • Banca do Largo. Receberá 6 dias de mesas de autógrafos com os artistas nacionais e locais.
  • Amazonas Shopping. Receberá a Exposição Manara (nome da deusa do dia dos indígenas da etnia Manaus) e uma mesa de autógrafos na Livraria Leitura com os autores Ademar Vieira e Paulo Moreira.

As palestras, oficinas e debates e terão público limitado a 20 participantes com inscrições feitas de forma previa pelo Instagram da organização. Entre os convidados das palestras teremos:

Wagner Willian

Artista Plástico e quadrinista. Em 2015, ganhou o Troféu HQMix de Novo Talento Roteirista com a HQ Bulldogma publicada pela Editora Veneta. Foi contemplado em 2019 pelo Edital de Quadrinhos da Secretaria Municipal de São Paulo com a obra Silvestre, chegando a ganhar o Prêmio Jabuti com a mesma obra. Vira ao evento fazer o lançamento nacional de sua nova obra: Todas as Pedras no Fundo do Rio.

Fabi Marques

Uma das mais reconhecidas coloristas do mercado brasileiro. Atualmente tem trabalhado principalmente para editoras americanas

Gidalti Junior

Quadrinista, pintor e professor. Autor de Castanha do Pará (2017, independente), (2018, Editora SESI). Vencedor do Prêmio Jabuti na categoria histórias em quadrinhos em 2017 e do White Ravens. Autor de Brega Story (2021, Editora Brasa). Mestre em Artes Visuais (ICA/UFPA) e especialista em História da Arte – Teoria e Crítica (Belas Artes). Professor na Escola Britânica de Artes Criativas em São Paulo e da Escuela de Artes y Letras em Bogotá.

Paulo Moreira

Quadrinista especializado em web tiras. Artista novo no cenário nacional, tem se destacado pelo traço simples e pelo contraste de cores fortes em suas artes. Paulo tem mais de 300 mil seguidores acompanhando seu trabalho no Instagram.

Shiko

Quadrinista, grafiteiro e diretor de cinema, Shiko é um do mais respeitados e consagrados quadrinistas brasileiros. Conhecido por suas ilustrações que destacam a cultura brasileira, Shiko foi o ilustrador do cartas da Semana do Quadrinho Nacional. A tela original fará parte do acervo da exposição Sarana.

Felipe Vinha

Jornalista com mais de 15 anos de carreira, especializado em cultura pop e tecnologia.

Segue a programação completa em anexo.

Informações: 92 981675242

Evaldo Vasconcelos – Organizador Instagram: @semanadoquadrinho.mao

Redação

Redação

As principais notícias do Amazonas, do Brasil e do mundo. Mais de 40 anos de jornalismo com credibilidade.

Manaus