Calendário

junho 2019
D S T Q Q S S
« maio    
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
30  

Arthur pede que Paulo Guedes assuma articulação da previdência

O prefeito de Manaus, Arthur Virgílio (PSDB), quebrou a sisudez da reunião do ministro da Economia, Paulo Guedes, como os prefeitos do país, onde a pauta era a reforma da previdência, em Brasília. Arthur tomou a palavra e pediu que o ministro da Economia, Paulo Guedes, assuma a articulação política da reforma da Previdência. O tucano avisou que o governo do presidente Jair Bolsonaro não pode perder a chance de aprovar a reforma, o que seria “criminoso”.

— Não tem como o senhor não ser articulador político dessa reforma –, afirmou Virgílio, dirigindo-se a Guedes durante evento da FNP (Frende Nacional de Prefeitos). Ele destacou que a aprovação da medida é imprescindível e o governo Bolsonaro não pode perder a chance de aprovar a reforma, o que seria “criminoso”.

Ou vai ou racha

O prefeito disse que agora não dá para retroceder.

— Ou faz (a reforma) ou racha! –, disse Arthur, fazendo uma comparação:

— A  eventual rejeição da reforma a “um gol perdido pelo jogador Leonel Messi, mesmo sem goleiro”.

Arthur na FNP

Durante a reunião em Brasília, Arthur Virgílio foi eleito 2º Secretaria Nacional da Frente Nacional de Prefeitos (FNP).O prefeito de Campinas (SP), Jonas Donizette, foi reeleito presidente da entidade. A nova diretoria executiva da Frente exercerá o mandato por dois anos.

Força nacional

A força da FNP não é pouco coisa. A entidade congrega prefeituras com mais de 80 mil habitantes do país, abrangendo 100% das capitais, 60% dos habitantes e 75% do Produto Interno Bruto (PIB) do Brasil.

Um dia incomum

O vereador Chico Preto usou o microfone da Câmara Municipal nesta terça-feira, 26/03, para dizer que, surpreendentemente, concorda com o prefeito Arthur Virgílio (PSDB) em dois pontos: reforma da previdência e com a cobrança da dívida do Estado com a prefeitura.

Olho gordo

—  O prefeito Arthur disse que o Estado deve R$ 700 milhões para a prefeitura. Temos que ajudá-lo a cobrar esse dinheiro, até porque parte deste recurso pode ser da Câmara Municipal também –, disse Chico, um dos críticos mais ferrenhos do prefeito

Cachimbo da paz

Por conta disso, o vereador Coronel Gilvandro Mota (PTC), vice-líder do governo na Câmara Municipal de Manaus (CMM) levantou a bandeira da paz em direção ao também vereador Chico Preto (PMN). Ambos travam, desde o ano passado, embates acalorados no parlamento municipal, uma vez que Chico é um ferrenho crítico do prefeito Arthur Neto.

Um novo tempo

Sempre muito lembrada quando a pauta é negativa, a Secretaria de Estado de Justiça, Direitos Humanos e Cidadania (Sejusc) parece ter entrado em outro patamar nesta gestão, desde que a defensora pública Caroline Braz assumiu a pasta.

Começar de novo

A novidade da vez na Sejusc será a parceria com uma grande empresa de tecnologia do Distrito Industrial. Três garotos que cumpriram medida socioeducativa serão treinados por seis meses e depois empregados.

Grandeza humana

São medidas como esta que fazem um grande governo. Em tempos em que os direitos humanos andam em baixa, Caroline dá aula de como não seguir a cartilha do presidente do Brasil. É possível, sim, mudar as pessoas que erraram.

Mamãe eu quero

Uma fonte da coluna afirmou que o ex-prefeito de Manaus, Alfredo Nascimento (PR), está estudando a possibilidade de disputar eleição para a prefeitura em 2020. Bateu uma saudade do cargo que ocupou de 1997 a 2003.

Já que insistem!

A possibilidade veio à tona após o político ir à sede do INSS na última semana e sentir o carinho da população. Dizem que ele foi cortejado por muita gente e ouviu, inclusive, pedidos de: “volta, prefeito”.

Do contra

Mas, no meio dos afagos uma vozinha de um gaiato lá atrás, complementava a frase:

— Volta Alfredo… pra Natal!  (Toiiiimmmmmmm!!!)

Devolve a babita

O colegiado do Tribunal de Contas do Amazonas (TCE-AM) reprovou, por unanimidade, a prestação de contas de 2014 do ex-prefeito de Carauari Francisco Costa dos Santos. O ex-administrador do município terá que devolver R$ 1,3 milhão aos cofres públicos.

David ‘nos conformes’

Já o ex-governador David Almeida (PSB) foi declarado dentro da legalidade, com relação à prestação de contas de 2017 da Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam), da qual era presidente.

Força do cargo

O deputado estadual Josué Neto (PSD), que presidente a Aleam até o ano que vem, está usando o poder do cargo para solicitar diversas obras pelo Amazonas. Toda semana, a assessoria do parlamentar envia matérias com solicitações feitas ao governo do Estado.

Transamazônica

O último pedido foi para a recuperação da ponte do quilômetro 7 da Rodovia Transamazônica (BR-230), que liga o município de Apuí a Humaitá.

Flutuante zen

No dia 20 de abril, os apaixonados por um estilo de vida mais zen e alternativo terão o dia inteiro dedicado à prática de meditação, yoga, reiki, massoterapia, música e outras formas de terapias. Trata-se da segunda edição do #FlutuYogaDay, que vai acontecer no Quintal Flutuante, no Tarumã, a partir das 9h.

Sol, rio e floresta

Os flutuantes de Manaus vêm se tornando cada vez mais um dos maiores atrativos para os turistas que vêm à cidade. Até mesmo para os manauaras. Talvez seja hora do poder público incentivar o uso desta prática, que é a nossa cara.

Dia D da vacina

Quem ainda não se vacinou, fique atento. O “Dia D” de vacinação contra a Influenza será 30 de março, quando acontece uma grande mobilização para a intensificação da campanha. Na ocasião, serão disponibilizados 681 postos de vacinação em todas as zonas da capital, com 3.040 profissionais de saúde envolvidos.

EM ALTA

Uma pílula anticoncepcional para homens passou nos testes iniciais de segurança humana, afirmaram especialistas nesta terça-feira, dia 26. A pílula, feita para ser tomada uma vez ao dia, contém hormônios desenvolvidos para impedir a produção de espermatozóides. O anúncio foi feito em no encontro anual da “Endocrine 2019”, uma importante conferência médica, realizada em Nova Orleans, nos EUA.

EM BAIXA

Aoministro da Economia, Paulo Guedes, que classificou o polo de concentrados da Zona Franca de Manaus de “xaropezinho”. O besteirol aconteceu na noite da última segunda-feira (25). O governo iz que “ninguém mexe com a ZFM”, mas mantém o decreto presidencial nº 9.394/2018, de Michel Temer, que reduz a alíquota do Imposto Sobre Produtos Industrializados (IPI), no polo de concentrados, de 20 % para 4%.

Deixe uma resposta