Bookmarks

You haven't yet saved any bookmarks. To bookmark a post, just click .

Ameaça de bomba esvazia o TCE-AM


Uma denúncia anônima afirmando que uma bomba explodiria esvaziou o prédio do Tribunal de Contas do Estado (TCE-AM), nesta segunda-feira, 23 de janeiro. Diante da ameaça, o presidente do órgão, conselheiro Ari Moutinho Júnior, convocou homens do Grupamento de Manejo de Artefatos de Explosivos (Marte) da Polícia Militar, que realizaram uma varredura nos prédios que compõem o complexo da Corte de Contas, situado na avenida Efigênio Salles. Ao final do trabalho, eles descartaram a hipótese de artefatos no local.

“Recebemos a informação da possível bomba e, por segurança, tomamos as medidas cabíveis para resguardar os nossos servidores. Fizemos a vistoria e nada foi encontrado, graças a Deus”, comentou o conselheiro, ao destacar o apoio da Secretaria de Segurança Pública (SPP).

A varredura, realizada por dois homens do Grupo Marte, foi acompanhada pela Diretoria de Assistência Militar do TCE e percorreu os gabinetes dos conselheiros, auditores e dos procuradores do Ministério Público de Contas, além do plenário do TCE-AM, onde são realizadas as sessões plenárias.

Mário Adolfo Filho

Mário Adolfo Filho

Jornalista, formado pela Universidade Federal do Amazonas. Com passagem por grandes jornais de Manaus, Prefeitura de Manaus, Câmara Municipal de Manaus e Câmara dos Deputados.