BLOG DO MÁRIO ADOLFO
Você gostaria de receber notificações em tempo real e não perder nenhuma notícia importante?
Cancelar
Aceitar

Bookmarks

You haven't yet saved any bookmarks. To bookmark a post, just click .

Amazonense está entre mortos em operação na Vila do Cruzeiro, no RJ


O foragido da Justiça amazonense Roque de Castro Pinto Junior, conhecido como "Ponga" é um dos 21 mortos da operação na Vila do Cruzeiro, no Rio de Janeiro, que aconteceu nesta terça-feira (24).
Roque responde a três processos criminais no Tribunal de Justiça do Amazonas (Tjam).

Ele já tinha sido alvo da Operação Imperium II da Polícia Civil do Amazonas, no bairro da Compensa, zona Oeste de Manaus, que ocorreu em junho de 2019. No local, onde "Ponga" foi encontrado pelos policiais, havia munições, armas e drogas.

Conforme o processo 0202247-52.2018.8.04.0001 da Justiça amazonense, "Ponga" também respondia por porte ilegal de arma de fogo. Ele foi capturado por policiais militares das Rondas Ostensivas Cândido Mariano (Rocam), na comunidade Mutirão, no bairro Novo Aleixo, Zona Norte, em 2017, durante um patrulhamento na região, onde os agentes de segurança desarticularam uma quadrilha do criminosa de Kaio Wuelllington Cardoso dos Santos, o "Mano Kaio", que é procurado também no Rio de Janeiro.

Nota oficial

A Assessoria de Imprensa da Secretaria de Estado de Polícia Militar informa que, nesta terça-feira (24), o Batalhão de Operações Policiais Especiais (BOPE), a Polícia Federal e a Polícia Rodoviária Federal (PRF) atuaram conjuntamente na Vila Cruzeiro, na Zona Norte da cidade do Rio de Janeiro. A ação teve por objetivo localizar e prender lideranças criminosas que estão escondidas na comunidade, inclusive criminosos oriundos de outros Estados do país (Amazonas, Alagoas, Pará entre outros).

As equipes do BOPE e da PRF se preparavam para a incursão quando criminosos começaram a fazer disparos de arma de fogo na parte alta da comunidade. Uma pessoa foi ferida na Chatuba, uma comunidade fora da área da operação, e veio a óbito no local. A área foi isolada por uma equipe da Unidade de Polícia Pacificadora (UPP) para perícia da Delegacia de Homicídios da Capital.

Durante a ação, incluindo em área de mata, ocorreu confronto. Após cessarem os disparos, onze criminosos foram localizados feridos e houve apreensão de 13 fuzis, quatro pistolas e 12 granadas, além de drogas a serem contabilizadas.

O socorro dos feridos foi feito ao Hospital Estadual Getúlio Vargas. Segundo informações do Setor de Inteligência, três destes feridos seriam oriundos de outros Estados (Amazonas e Pará). Na localidade conhecida como Vacaria, mais de 20 veículos (motocicletas e carros) usados por criminosos em fuga foram apreendidos. Equipes do BAC apreenderam grande quantidade de drogas. Ocorrências encaminhadas para a Delegacia de Homicídios da Capital.

Fonte: Portal A Crítica

Redação BMA

Redação BMA

As principais notícias do Amazonas, do Brasil e do mundo. Mais de 40 anos de jornalismo com credibilidade.