Bookmarks

You haven't yet saved any bookmarks. To bookmark a post, just click .

Está marcado para a próxima sexta-feira, 25, o julgamento dos acusados de matar o delegado da Polícia Civil, Oscar Cardoso Filho. A vítima foi morta com mais de 20 tiros, em março de 2015. O julgamento será no Fórum Ministro Henoch Reis, na zona sul de Manaus.

Quatro dos cinco denunciados pelo Ministério Público do Amazonas (MP-AM), estarão presentes no julgamento: Messias Maia Sodré, Diego Bruno de Souza Moldes, Mário Jorge Nobre de Albuquerque (Mário Tabatinga) e Marcos Roberto Miranda da Silva (Marcos Pará). João Pinto Carioca, o ‘João Branco’,  será interrogado por meio de videoconferência, ele está preso na Penitenciária Federal de Catanduvas, no interior do Paraná.

“Sustentamos a tese de que os acusados planejaram e executaram um crime bárbaro, devendo ser condenados às penas da lei. Nossa expectativa é de que o julgamento se realize sem incidentes e sem mais adiamentos, pois, a melhor justiça é a que se realiza com a maior brevidade possível, prestando contas à sociedade”, declarou o promotor de justiça, Edinaldo Aquino Medeiros, autor da denúncia.

Mário Adolfo Filho

Mário Adolfo Filho

Jornalista, formado pela Universidade Federal do Amazonas. Com passagem por grandes jornais de Manaus, Prefeitura de Manaus, Câmara Municipal de Manaus e Câmara dos Deputados.