Calendário

outubro 2019
D S T Q Q S S
« set    
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031  

Academia Amazonense de Letras lança 15 livros neste sábado

A Academia Amazonense de Letras (AAL), que completou 100 anos em 2018, lança neste sábado, 5/4, a partir das 9h, 15 livros escritos por seus imortais. O evento dá início a um ciclo de palestras, com entrada gratuita, e marca um ano em que a academia visa trazer os jovens para mais perto da cultura do estado.

As obras que serão lançadas são ‘Cotidiano Pitoresco’ (Mazé Mourão); ‘La Amazônia Panteísta’ (New Sabbá); ‘Jonas da Silva, Vida e Pessoa’ (Robério Braga); ‘A História como Metáfora e Outros Ensaios Amorosos’ (Abrahim Baze); ‘Já é Tempo de Pensar’ (Dom Luiz Ferreira Soares); ‘Teatro das Mulheres de Lazone’ (Sérgio Vieira Cardoso); ‘Amazônia Fragmentos da História’ (Abrahim Baze); ‘O Jardim da Minha Mãe’ (Almir Diniz) ‘Álvaro Maia Canção de Fé e Esperança’ (Cármem Novoa); ‘Vim de Igarité a Remo’( Elson Farias); ‘Envelhecer é um Privilégio’ (Euler Ribeiro ); ‘Teatro Seleto’ (Márcio Souza); ‘A Borracha da Amazônia e a II Guerra Mundial (Luiz de Miranda Corrêa)’; ‘A Sociedade Crítica e a Questão Social’ (Marinele Corrêa da Silva Freitas) e o ‘ O Município de Itacoatiara’ (Mário Ypiranga Monteiro).

O presidente da AAL Robério Braga (2018-2019), autor de mais de 100 livros, disse ao Blog do Mário Adolfo que a Academia já fez lançamentos de vários livros ao mesmo tempo outras vezes e espera que o evento seja bem recebido pelos manauaras que se interessam por leitura.

“Sou presidente até dezembro. É a terceira vez que presido a academia. Em 1973, houve lançamentos e na presidência de José Braga também. São praticamente todos inéditos. Já publicamos esses títulos e vamos publicar mais 15 este ano”, disse.

Atualmente a AAL conta com 40 cadeiras que são ocupadas por antropólogos, cronistas, economistas, educadores, ensaístas, jornalistas, médicos, teólogos, poetas, romancistas e sociólogos.

Planos da academia

Com o objetivo de trazer o jovem para o universo da cultura e do intelecto, Robério revelou que será realizado um evento especial, ‘Acadêmico Jovem’ no segundo semestre deste ano. “Temos um programa. A academia tem portas abertas todos os fins de semana com música, poesia, teatro, livros, discos e antiguidades. Vamos fazer um super especial que é o Académico Jovem”, revelou.

O presidente Robério Braga também revelou que há muitas ações da Academia Amazonense de Letras em andamento, como uma biblioteca memorial.

“Há muitas coisas em andamento inclusive a biblioteca memorial que está quase pronta. Obras dos fundadores e todos os 148 acadêmicos ao longo dos 100 anos da entidade. Teremos peças individuais para visitação. Um rico acervo”, finalizou.

Texto: Luana Dávila

Deixe uma resposta